8:45 - 12:15

WORKSHOP A - LGPD na prática - A implementação de um programa efetivo de proteção de dados.

Diversos escândalos como "Caso Snowden" e o "Caso Cambridge Analytica" entre outros nacionais demonstraram a necessidade de regulamentar com mais critério e controlar de forma mais rigorosa o tratamento de dados pessoais. Próximo de entrar em vigor em 2020, a Lei Geral de Proteção de Dados estabelece direitos, deveres e princípios que envolvem o tratamento de dados pessoais de consumidores e usuários de serviços. Entre os temas com os quais a empresa deve se preocupar em construir ou aprimorar, estão a (i) Governança da Privacidade; (ii) Vazamento e Segurança de Dados; (iii) Privacy by Design; (iv) DPIA; (v) Direitos do Titular; (vi) Gestão de Terceiros; (vii) Histórico de tratamento; (viii) Minimização; (ix) Retenção de dados. Para a implementação de um programa de proteção de dados é extretamente necessária a sintonia entre diversas áreas, principalmente, as áreas de compliance, TI, RH, Suprimentos, Comercial e Jurídico. Esse workshop abordará uma metodologia prática para a implantação de um programa efetivo de proteção de dados.

8:45 - 12:15

WORKSHOP B - Condução prática de investigações internas de compliance - Do planejamento ao report de uma investigação interna de compliance e as medidas de remediação mais apropriadas

Investigações internas tem importância fundamental, não apenas pelo cumprimento dos termos da lei anticorrupção, mas pela sua capacidade de identificar problemas relevantes e evitar a incidência de multas vultuosas pelos órgãos de controle, nacionais e internacionais. Nesse contexto, o adequado tratamento das denúncias e a condução de uma investigação interna seguindo as melhores práticas internacionais é fundamental para se alcançar resultados relevantes, garantindo o sucesso do programa de compliance.

8:45 - 12:15

WORKSHOP C - Comunicação e treinamento - Técnicas de treinamento em compliance mais efetivas. A utilização de recursos tecnológicos e lúdicos para aumentar a efetividade dos treinamentos

Gamification consiste em usar técnicas, estratégias e o design de games em outros contextos que não sejam necessariamente associadas aos jogos em si. Segundo uma estimativa da Gartner, neste ano, a gamificação será um mercado de mais de 5 bilhões de dólares no mundo todo e, até 2020, 70% das maiores empresas do mundo terão pelo menos uma aplicação que utiliza esse conceito, fazendo com que ele se torne algo fundamental ao ambiente empresarial.
Seguindo tendências de mercado, este workshop abordará na prática estratégias lúdicas para alavancar o conhecimento e o engajamento do time e colaboradores de uma empresa, com o tema tomada de decisão ética e compliance de uma forma geral.

8:45 - 12:15

WORKSHOP D - Benchmarking sobre Compliance Risk Assessment vs. Controles Internos relacionados e como documentar adequadamente, considerando também o viés das autoridades.

O risk assessment é considerado um dos principais pilares de um programa de compliance, porém ter somente os riscos mapeados sem os controles internos adequados, faz com que o programa não seja efetivo. Esse workshop abordará de forma completa todo o ciclo do mapeamento de riscos, controles internos relacionados, bem como a adequada documentação dessas informações e análises que devem ser mantidas pelas empresas. Esta importante análise deve-se levar em consideração o ecossistema em que a empresa atua, o seu porte e o grau de comprometimento de parceiros, terceiros e fornecedores. Através de diferentes perspectivas e metodologias aplicadas por empresas, aprenda como mapear os riscos, priorizá-los e gerenciá-los de forma efetiva.

8:45 - 12:15

WORKSHOP E - Monitoramento e efetividade do programa de compliance . Aprenda na prática como utilizar indicadores para construir, manter e atualizar o seu programa de compliance.

Cases aprofundados dos principais requisitos e elementos essenciais de um programa de compliance eficaz. Esse workshop abordará formas efetivas de monitoramento, KPIs essenciais e ferramentas disponíveis que facilitam esse importante processo para o programa de compliance. Conheça o que há de mais moderno neste tema e como incorporar estas soluções em seu programa , muitas vezes investindo menos do que se imagina. Soluções modernas e criativas podem incrementar verdadeiramente os resultados almejados.

13:45 - 15:25

WORKSHOP F - Guia prático para gerenciamento de terceiros

Como construir um programa de gestão de terceiros robusto e efetivo alinhado com a expectativa das autoridades locais e internacionais. Este workshop abordará de forma prática um passo a passo para as regras mais críticas para a verificação, integração e monitoramento dos terceiros e as medidas de remediação mais adequadas e recomendadas na identificação de red flags.

13:45 - 15:25

WORKSHOP G - Implementação prática de um programa de Diversidade & Inclusão. A sua empresa está preparada?

O mundo está mudando, o fator humano está cada vez mais presente no dia a dia das empresas e na sociedade. Um programa de diversidade e inclusão bem implementado pode reduzir significativamente casos de assédios nas companhias. Poucas empresas possuem um programa de D&I implementado e efetivo e poucas pessoas possuem essa expertise. Aprenda na prática a implementar um programa de D&I.

13:45 - 15:25

WORKSHOP H - Governança Corporativa e Compliance. Passo a passo para a implementação de uma governança capaz de mitigar riscos de compliance.

O objetivo deste workshop é demonstrar aos participantes a interação prática entre os temas governança corporativa e compliance por meio de dinâmicas em grupo, estudo de casos e debates, de modo a propiciar discussões e reflexões sobre as principais questões que envolvem os citados temas no dia a dia das organizações, possibilitando uma melhor compreensão e sua aplicabilidade.

13:45 - 15:25

WORKSHOP I - Prevenção à Lavagem de Dinheiro e Financiamento ao Terrorismo

Entenda e discuta os pilares de um programa de Anti-Money Laundry (AML) e também a recente atualização pela CVM da instrução 617 no mercado de capitais, que está alinhada com as melhores práticas atualmente implementadas nos principais mercados mundiais, inclusive com relação a recomendações do Grupo de Ação Financeira contra Lavagem de Dinheiro e o Financiamento ao Terrorismo (GAFI/FATF), bem como as demais legislações decorrentes.

13:45 - 15:25

WORKSHOP J - Como construir a sua marca pessoal no Linkedin

Entenda a importância de construir a sua marca pessoal no LinkedIn, aprenda as melhores técnicas de posicionamento e networking em mídias sociais. Neste workshop, você terá a chance de construir do zero ou revisar integralmente o seu perfil nesta importante rede social profissional. Especialistas irão lhe guiar para que você saiba como contar a sua história de uma maneira inteligente, estratégica e objetiva. Você ainda terá a chance de tirar uma nova foto profissional para o seu perfil.

16:05 - 17:45

WORKSHOP K - Compliance para as empresas do setor público.

Corrupção, fraude, conflito de interesses e outras condutas impróprias podem se materializar na relação entre Estado e entes privados, como por exemplo nas licitações e contratações públicas. Estes riscos podem gerar consequências graves para os dois lados e, por isso, devem fazer parte de Programas de Compliance em uma dupla abordagem, tanto pública quanto privada. Promover a discussão entre todas as partes relacionadas torna-se indispensável para se estabelecer as melhores práticas, assim como aquelas que devem ser evitadas e/ou proibidas.

16:05 - 17:45

WORKSHOP L - Liderança e Gestão de pessoas - Desafios dos gestores e profissionais de compliance.

Inspirar, engajar pessoas, desenvolver times de alto desempenho, bem como construir uma cultura forte para atingir grandes resultados, também faz parte dos desafios dos gestores de compliance. Esse painel discutirá assuntos como i) Cultura e a sua importância para compliance; (ii) Trabalhar em equipe; (iii) transitar e interagir com sucesso com os demais líderes e departamentos; (iii) Aprender a dar e receber feedbacks para a equipe e fora dela; (iv) criar uma Gestão para resultados e definição de metas voltadas para as demandas de compliance; (v) Promover um ambiente com disposição para mudanças e inovação. Esses assuntos serão trazidos para realidade dos líderes e equipes de compliance.

16:05 - 17:45

WORKSHOP M - Passado, presente e futuro. O que se espera das funções de Auditoria, Controles Internos e Compliance e como elas podem interagir para uma melhor efetividade da governança das Companhias?

São áreas distintas , mas correlacionadas. Embora, existam experiências que combinam auditoria interna e compliance, é mais comum encontrar essas áreas não tão integradas: o compliance geralmente está mais próximo do departamento jurídico e a auditoria interna, da controladoria e da equipe de controles internos. Qual é a expectativa do mercado em relação a essas funções? Como deve ser a comunicação e a interação entre essas três funções? Qual o papel de cada um quando falamos de denúncias, riscos, fraudes e corrupção? Essas entre outras questões serão abordadas nesse workshop.

16:05 - 17:45

WORKSHOP N - Assedio Moral e Sexual - Abordagem prática de como treinar e desenvolver o fator humano nas Companhias como prevenção de violações dessa natureza e, se necessário, como investigá-las

O crescimento de denúncias de relacionamento interpessoal, principalmente, práticas abusivas, como agressões, assédio moral e sexual e outros desvios de comportamento, continuam sendo as mais representativas na maioria das organizações. A existência de ferramentas de compliance como canal de denúncias, códigos de conduta, comunicação, treinamentos, desenvolvimento sobre integridade organizacional, a adoção de um programa de diversidade e inclusão efetivo, entre outros, são fundamentais para conscientizar que cada vez mais o fator humano é tão importante quanto o técnico, atuando de forma preventiva no crescimento desses tipos de denúncias. Entenda como tratar/investigar adequadamente os casos e endereçar as medidas de remediação apropriadas.

16:05 - 17:45

WORKSHOP O - Certificações em compliance e o Programa Pró-Etica. Quais são os beneficios desse reconhecimento e como preparar a sua empresa para esse desafio?

Todas as organizações, qualquer que seja o seu tipo, porte e natureza de atividade podem obter a certificação, nos setores público e privado, com ou sem fins lucrativos. Não apenas as grandes organizações, mas também empresas de pequeno e médio porte estão aderindo à certificação e selos existentes. Um ambiente de negócios em que cada vez mais a ética e transparência são requeridas, é fundamental que as organizações trabalhem os conceitos de governança corporativa e de compliance como dois lados de uma mesma moeda. Quais são os benefícios desse reconhecimento do programa de compliance? Qual a perspectiva do mercado em relação as certificações e selos existentes?

8:30 - 8:55

Abertura

9:00 - 9:45

KEYNOTE SPEAKER - Inovação: A criatividade na era digital

9:55 - 11:00

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Tomada de decisão ética de assuntos complexos e com fatores de risco elevados

Tomada de decisão ética pode ser subjetiva e não é uma ciência exata. Enquanto todos nós acreditamos saber a diferença entre o certo e o errado, o processo de decidir sobre fazer a coisa certa nem sempre é óbvio. De fato, decisões éticas com alto risco agregado sempre são algumas das mais difíceis que tomamos no ambiente corporativo. Elas também trazem algumas das consequências mais significativas, seu trabalho não termina depois de tomar decisões difíceis, mas continua com a necessidade de reavaliar e medir continuamente a eficácia de suas decisões. Neste painel, serão discutidos como os executivos de compliance e especialistas aplicam na prática o processo de tomada de decisão ética, além de avaliar as consequências das decisões e a necessidade de sempre aprimorar o seu programa de compliance, fortalecendo os pontos fracos decorrentes desse processo.

9:55 - 11:00

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

Cultura Justa - Bottom up and tone at the top

A Cultura Justa, modelo de governança que tem como um dos seus princípios o fato de que nem todos os erros ou violações de conduta são frutos de má intenção, busca estabelecer um ambiente no qual o relato de erros e outros eventos adversos é favorecido ou incentivado. A adoção desse modelo pode representar uma evolução natural para as áreas de Compliance e criar-se um circulo virtuoso, no qual os funcionários se sentem incentivados a reportar erros e falhas de processos nas diferentes áreas da empresa, que assim, terá condição de aperfeiçoá-los. Em um ambiente policialesco que inflige o medo, os funcionários tendem a não reportar erros que cometeram, identificaram ou podem ter visto acontecer, ao simplesmente punir qualquer erro sem olhar para o que o gerou. Esse painel abordará de forma prática como implementar a cultura justa em uma companhia.

9:55 - 11:00

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

Avanços e perspectivas para 2020 no combate a corrupção nos países da América Latina

México - Em set de 2019, a Comissão Federal de Concorrência Econômica do México (COFECE), emitiu diretrizes estabelecendo os procedimentos da agência para o tratamento das comunicações advogado-cliente. Trata-se de um avanço importante uma vez que, até então, não havia reconhecimento específico do privilégio advogado-cliente no país latino, o que prejudicava os processos de colaboração com outras jurisdições. Esse painel debaterá os avanços nos principais países da América Latina e o que esperar para 2020

11:05 - 11:30

Coffee Break

11:35 - 12:50

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Promovendo a inovação no Compliance

No passado não se podia sentar em uma mesa de reunião sem ouvir a expressão “vantagem competitiva” e hoje, ao que parece, uma das expressões da moda é a “inovação" ou "inovação disruptiva”. Inovação não só está na moda, está no dia a dia de muitos departamentos. Muito se fala de inovação nas empresas, setores, departamentos específicos como financeiro, recursos humanos, vendas, tecnologia, mas como inovar de forma simples no departamento de compliance? Como sermos Compliance ágeis e eficientes?
Esse painel abordará cases de empresas que já utilizam inteligência artificial e machine learning no departamento de compliance e em áreas ligadas ao direito em geral, com diversas possibilidades como: Workflows, Canais de Denúncias, atendimento, monitoramento de legislação, gestão de riscos, entre outros e também a inovação de forma simples, não necessariamente ligada a tecnologia.

11:35 - 12:30

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

3 curiosidades a serem reveladas: Experiencias e histórias compartilhadas por executivos de compliance sobre como se tornar líderes eficazes e influentes em suas empresas

Ser um líder não é uma tarefa fácil, além disso, muitas vezes são de fracassos e derrotas que surgem as histórias de sucesso. Para obter sucesso e engajar a empresa de uma forma geral em compliance, necessariamente precisa ser uma pessoa influente. Esse painel abordará histórias e experiencias inspiradoras de líderes influentes, passando por questões como: (i) os principais erros que podem ser evitados ao criar e gerenciar times de compliance; (ii) Como saber se você é um líder eficaz ou não? (iii) Melhores formas de reconhecer e dar visibilidade as vitorias de sua equipe; (iv) Formas de mostrar o valor, as suas realizações e se auto-promover; (vi) Como defender você e sua equipe e assegurar confiança, aprovação, bem como suporte efetivo da alta administração e do Conselho? (vii) Como promover interação e relacionamentos bem-sucedidos com o RH, jurídico e outros heads corporativos, como por ex. CEO, CFO, etc.

11:35 - 12:40

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

A evolução dos seguros existentes para proteção dos administradores em casos de corrupção e Data Breach

As operações contra a corrupção que vêm sendo realizadas no Brasil ocasionou um aumento significativo da procura pelo Seguro D&O (Directors and Officers) e com a nova Lei Geral de Proteção de Dados, surgem também novas responsabilidades. Cases práticos da análise da efetividade dos seguros para proteção dos administradores.

12:35 - 14:00

Almoço

14:20 - 14:55

CGU - Avanços em 2019 e perspectivas para 2020

A CGU também vem conseguindo chamar a atenção dos profissionais de Compliance com inovações e melhorias nos seus processos. Duas das mais importantes delas, que versam sobre acordos de leniência e processos administrativos contra empresas e demonstram a disposição do órgão de controle brasileiro de trabalhar mais perto das empresas, para sanar rapidamente eventuais desvios de conduta, além disso a também recente publicação do decreto com os mecanismos de proteção nacional e internacional aos denunciantes (Whistleblowers). O painel trará informação sobre os principais avanços de 2019 e perspectivas para 2020, como por exemplo sobre as Unidades do Sistema de Ouvidoria do Poder Executivo Federal estão se preparando para receber e tratar tais denuncias.

15:00 - 15:20

Coffee Break

15:25 - 16:20

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Fusões e Aquisições vs. compliance due diligence

Como efetuar uma due diligence adequada? Baseado na percepção dos compradores, 52% dos respondentes de mais de 300 líderes corporativos e advogados com atuação na área de M&A entrevistados na pesquisa "Taking Center Stage: The Rise and Rise of M&A", publicada pelo escritório global de advocacia Baker Mackenzie, acreditam que mais de metade dos casos de negociações de M&A ou de formação de Joint Ventures na America Latina nos últimos três anos não avançaram devido a questões de Compliance levantadas durante o processo de due diligence. O painel discutirá a perspectiva do mercado para o ano de 2020 em relação a esse tema, bem como, desafios e soluções para prevenir que a falta de maturidade em Compliance não prejudique grandes negócios no Brasil e na América Latina.

15:25 - 16:20

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

Diversidade e Inclusão - Desafios de como construir um ambiente corporativo caracterizado pela diversidade e a verdadeira transformação pela inclusão

Mulheres, negros, deficientes e LGBTQIAP+, são pessoas que sofrem muito com a inclusão social, principalmente no mercado de trabalho. Quando o assunto é relacionado a deficiência, a exclusão se torna ainda maior. O painel abordará cases de D&I de sucesso e o ambiente que as companhias criaram para que as pessoas com deficiências possam prosperar. Desde tornar o processo de recrutamento aberto e transparente para todos, até garantir que o local de trabalho seja um ambiente seguro.

15:25 - 16:20

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

A interação com as autoridades durante a apuração de uma possível violação às leis anticorrupção

Entenda o que as empresas devem fazer para garantir a credibilidade de suas investigações internas, o que fazer com o recebimento de uma intimação pelas autoridades, qual o momento e quais as possíveis consequências de um report voluntário. Além disto, serão discutidas as melhores práticas durante este processo de interação com as autoridades e o que se espera das empresas em termos de cooperação com as investigações.

16:25 - 17:30

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

As realidades dos reports de compliance para os Conselhos e Comitês: Benchmarking de Linhas de divulgação e tendencias

- Considerando o objetivo, composição e responsabilidades, como esses comites são estruturados na prática? Qual é o melhor formato?
- Como é a prática das empresas em relação a divulgaçao de dados confidencias e denúncias, como por exemplo (i) informações de colabodores e administradores (ii) quantidade de denuncias recebidas; (iii) categoria do desvio, tais como questões trabalhistas, descumprimento de regras internas, descumprimento de leis; (iv) categoria de conclusão, tais como procedente e improcedente e (v) para qual público essas informações são divulgadas?
- Quais são as expectativas dos conselhos e comitês em relação aos executivos de compliance?
- Como interagir com um Comitê de Auditoria e o Conselho de Administração em um cenário de mudança em governança corporativa, considerando as prioridades como por ex. proteção de dados.
- Como se posicionar estrategicamente para influenciar a alta administração de uma empresa?

16:25 - 17:30

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

30 formas para vender o COMPLIANCE - Construção coletiva realizada pelos Masterminds

Como vender o Compliance na sua empresa, para os controladores, gestores, funcionários e parceiros de negócios? Esse painel abordará uma construção coletiva dos participantes do Compliance Mastermind que fez parte da 27ª edição da revista LEC para auxiliar os profissionais da área a demonstrar o seu valor para a empresa.

16:25 - 17:30

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

Compliance e Integridade no Esporte

Há alguns anos o mercado esportivo, de entretenimento e publicidade vem passando por diversos questionamentos decorrentes de uma relação não muitas vezes transparente e com diversas peculiaridades. Neste painel serão debatidas as cláusulas dos contratos de publicidade, as fontes de receita, os códigos de conduta das organizações esportivas, bem como as dificuldades existentes para a implementação de um programa de compliance nestes setores, trazendo a perspectiva nacional e internacional.

17:35 - 18:35

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Compliance nas contratações públicas: Como implementar um programa de compliance efetivo para as contratações com o governo que atenda todas as exigências dos reguladores nacionais e internacionais?

Em diversos estados brasileiros, como Rio de Janeiro, Distrito Federal, Amazonas, Goiás, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, já existe a obrigatoriedade de comprovação da existência de programas de integridade para se fazer negócios com o governo. Além da exigência destas legislações, empresas multinacionais apontam para uma tendência de não mais se relacionar com empresas que não possam comprovar materialmente a existência de um programa de compliance. O painel abordará as melhores práticas adotadas pelas empresas no processo de venda para governo, atendendo as disposições anticorrupção locais e internacionais.

17:35 - 18:35

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

Whistleblower - Considerações sobre a regulamentação existente, experiência internacional e tendências

O painel abordará o papel do whistleblower, considerando o atual cenário de regulação Decreto nº10.153/19, a experiência internacional, a exemplo do programa do governo americano, OSHA´s (Occupational Safety and Health Administration) Whistleblower Protection Program e perspectivas futuras, tais como os programas de recompensas e proteção de dados.

18:35 - 20:30

Happy Hour

08:30 - 08:55

Abertura

09:00 - 09:50

KEYNOTE SPEAKER - Going from shame to Change

10:00 - 11:00

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Compliance e a LGPD no Brasil e América Latina

Desafios enfrentados pelos compliances officers com a LGPD, considerando também o desafio da implantação de um programa regional de proteção de dados.

10:00 - 11:00

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

Cultura organizacional - Perspectiva dos CEOS - A Integridade e conformidade como marca corporativa de suas empresas

Insights dos CEOS de como incorporar o compliance com a estratégia geral de negócios da empresa. Como aplicar o fator humano na governança corporativa e na área de compliance? Cases de sucesso de como pode ser incentivado e aplicado na prática.

10:00 - 11:00

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

Comitê independente de investigações - Cases internacionais e nacionais da criação desses comitês

Alguns critérios que serão abordados:
- Momento e necessidade da criação;
- Critério de seleção dos membros e valores acordados;
- Para quem reporta?
- Interação autoridades;
- Periodicidade da realização das reuniões;
- Medidas disciplinares definidas;
- Permanente ou temporário?

11:05 - 11:30

Coffee Break

11:35 - 12:55

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Compliance no ambiente de monitoria

Entenda quais são os desafios de se trabalhar em uma empresa sob investigação de corrupção com a presença de um monitor externo independente e a pressão externa para o desenvolvimento/aprimoramento do programa de Compliance.

11:35 - 12:30

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

Carreira em Compliance - Alta Administração - Desafios

A alta administração, impacta diretamente na carreira do executivo de compliance, pois sem o seu apoio, o programa de compliance não existiria. Esse painel abordará situações desafiadoras vivenciadas em momentos diferentes da carreira por tais executivos. Como por ex. Como fazer uma diligencia da alta administração da empresa em qual se está em processo de contratação? Quais são os skills que as companhias buscam nos profissionais e como estas analisam a reputação do candidato? No decorrer da jornada de trabalho, pode-se se esbarrar em algum momento com a ausência de suporte da administração, nesse cenário o que fazer?

11:35 - 12:45

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

2012-2020: Principais desenvolvimentos na área de compliance, seus impactos na atualidade e perspectivas futuras

Neste painel, os fundadores do Curso de Compliance Anticorrupção da LEC irão discutir sobre os casos mais relevantes mencionados em aula e, de forma prática, farão referência e apontarão as tendências para os próximos anos.

12:35 - 14:10

Almoço

14:15 - 15:15

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Compliance trends - Novos riscos - compliance em redes sociais

Não resta dúvida sobre a utilidade e o crescimento do Marketing Digital nos próximos anos, muitas empresas vem adotando essa estratégia, utilizando canais online para gerar negócios, gerar relacionamento e gerar resultados para uma empresa, trazendo novos riscos, como por exemplo os Influenciadores Digitais, que são pessoas capazes de influenciar o comportamento de usuários por meio de seus canais de comunicação, como Facebook, Youtube, Instagram, Twitter, entre outros. Através da divulgação de conteúdos, eles interferem direta ou indiretamente nas decisões de consumo do público que os seguem e compartilham das mesmas idéias e na maioria das vezes são remunerados para por tais ações. Esse painel abordará como identificar e tratar os riscos de compliance para esse tema e realizar adequadamente uma Due Diligence. Trabalhar juntamente com a área de marketing, assim como já e feito com o Jurídico, será cada vez mais necessário.

14:15 - 15:15

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

O desafio de se enfrentar o viés inconsciente (unconscious bias) no ambiente corporativo e como tomar medidas efetivas para um ambiente com mais inclusão e diversidade

Preconceitos inconscientes (unconscious bias) são estereótipos sociais sobre certos grupos de pessoas que os indivíduos formam fora de sua própria consciência. Todo mundo mantém crenças inconscientes sobre vários grupos sociais e de identidade, como por exemplo, uma pessoa pode ser influenciada por preconceitos inconscientes ao realizar simples atividades do dia-a-dia, como por exemplo, na gestão do seu time, na condução de uma entrevista de recrutamento, ou então de uma investigação interna de compliance, tendo como consequência, o sofrimento pelas pessoas com a discriminação involuntária, levando a uma desconfiança moral e uma maior probabilidade de boas pessoas deixarem a empresa. Qual é a melhor maneira de sucumbir esses preconceitos inconscientes? Entenda pela perspectiva do gestor de como criar formas para uma inclusão eficiente. Isso ajudará a empresa a construir um local de trabalho com mais inclusão e diversidade.

14:15 - 15:15

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

Investigações internas em múltiplas jurisdições

O painel trará novidades na condução do processo de investigações internas, bem como o desafio de realizá-lo em múltiplas juridisções, trazendo perspectivas que ultrapassam os limites das fronteiras de um país para o compartilhamento de informações, auto-denuncia, cooperação, acordos globais e considerações tecnológicas.

15:20 - 15:50

Coffee Break

15:55 - 16:35

KEYNOTE SPEAKER

16:40 - 17:40

• Trilha Fator Técnico e Tecnológico

Evolução da regulamentação do Lobby e os impactos para a área de compliance

O diálogo entre os setores público e privado é fundamental para o desenvolvimento do Brasil. Trata-se de um movimento global no sentido de demonstrar a integridade das instituições e promover o compliance e o compromisso com a ética nestes dois setores. Com a evolução da governança corporativa e dos programas de compliance nas empresas, se destaca a importância de monitorar e cuidar de seus relacionamentos institucionais público e privado e gerenciá-los de forma estruturada. O painel discutirá sobre a evolução da regulamentação, do tema e da função desses profissionais especializados dentro das empresas.

16:40 - 17:40

• Trilha Fator Humano e Desenvolvimento Pessoal

Comunicação e Treinamento - Storytelling e técnicas de apresentação de alto impacto para encantar a audiência

Aumente as suas chances de sucesso na realização de treinamentos do código de conduta, demais políticas ou, ainda,  apresentações sobre os temas de compliance para o Comitê de Ética ou Alta administração. Esse workshop abordará técnicas e exercícios práticos na construção de suas apresentações, considerando algumas premissas na elaboração, tais como estratégia, conteúdo, visual e ensaio.

16:40 - 17:40

• Trilha Internacional e Estudos de Casos

Estudo de caso de aplicação prática da LGPD

17:50 - 20:00

Happy Hour

Patrocínio Premium

Patrocínio Platinum

Patrocínio Gold

Patrocínio Silver

Apoio